"A expectativa é muito grande de voltar a atuar com a camisa do Atlético. Estou com muita vontade de jogar e ajudar a equipe. É normal que o torcedor espere o Ederson fazendo gols e vou trabalhar para isso. Darei sempre meu melhor pelo clube", disse o jogador ao site oficial.

"Conheço muita gente aqui e tenho o carinho de todos. O torcedor também tem me passado esse carinho, o que é importante para mim e me dá confiança para estar bem em campo", afirmou.

Ederson foi revelado pelas categorias de base do Ceará, mas chegou ao time paranaense ainda jovem e tornou-se profissional no Atlético-PR. Foi um dos destaques do Brasileiro de 2013, terminando a competição com 21 gols marcados.

O técnico Eduardo Baptista conta, com outras oito opções no setor ofensivo: Crysan, Douglas Coutinho, Eduardo da Silva, Grafite, Guilherme, Luis Henrique, Pablo e Yago.

Éderson será um dos três novos inscritos do Atlético-PR para a sequência da Libertadores. Além disso, poderá jogar o Brasileirão. Se sair no BID até sexta, fica à disposição para reestrear contra o Flamengo, às 16h (horário de Brasília) de domingo, na Arena da Baixada.